Cantora Ivete Sangalo não traz as filhas gêmeas ao gravar 'The Voice': 'Vou e volto'


Ivete Sangalo lançou nesta última segunda-feira (09), nos Estúdios Globo, a sétima temporada do "The Voice Brasil", com estreia prevista para o próximo dia 17. Durante a coletiva de imprensa, a jurada do reality musical falou sobre está conciliando sua rotina com as filhas gêmeas, Helena e Marina, que completaram cinco meses na terça-feira (09).

Segundo ela, as bebês ficam na Bahia durante as gravações no programa, realizadas no Rio - a exemplo do que fez no show no Rock in Rio Lisboa. "Vou e volto. Quero esperar elas ficarem uma besteirinha maior para trazê-las", argumenta a artista, que completou 10 anos com o marido, Daniel Cady, no fim de junho.

Ivete, usando um macacão preto, penteado que despontou nas passarelas e promete continuar conquistando nesta temporada - e um batom vermelho poderoso, explica valorizar a liberdade na educação do filho mais velho, Marcelo, de 8 anos. "Não me preocupo com o fato dele gostar de tocar [bateria]. Porque, no meio disso, ele gosta de jogar futebol, de velejar, de brincar... Não coloco pressão nele porque meus pais não fizeram isso comigo".

Na coletiva, Ivete deu sua opinião sobre a identificação do público com a atração. "Todo mundo gosta de música. A música traz memória afetiva. Tudo de bom que acontece na nossa vida sempre tem uma canção. Eu acho que a música veio para tirar o ser humano do lugar comum, dessa rotina, da loucura. Tira a gente disso e coloca a gente num lugar muito especial. Isso é comum a todo ser humano".

"Você liga a televisão e tem um programa onde tem artistas que têm o seu público e uma relação intensa com ele, vozes incríveis, uma produção desse nível. É uma soma muito perfeita e vai no coração das pessoas. São mil edições e a gente vai ter um público gigante assistindo porque trata de emoção. É uma emoção comum a todos, sem distinção!", vibra.BN