Fernando Haddad deve herdar 17,3% dos votos do ex-presidente Lula, revela pesquisa

20 de Ago // Foto: Reprodução | Eleições 2018
O ex-prefeito Fernando Haddad (PT) e os ex-ministros Marina Silva (Rede) e Ciro Gomes (PDT) devem ser os principais herdeiros dos votos do ex-presidente Lula (PT) caso ele tenha a candidatura barrada pela Justiça Eleitoral e seja substituído por Haddad. Os dados são da pesquisa do instituto MDA, divulgada pela CNT nesta segunda-feira (20).

O levantamento trouxe Lula na dianteira, com 37,3% das intenções de voto, mas, como o ex-presidente está inelegível, seus eleitores foram questionados em quem votariam no cenário no qual ele daria lugar ao ex-prefeito como candidato do PT. Do total, 17,3% disseram votar em Haddad, 11,9% em Marina e 9,6% em Ciro.

Depois, 6,2% dos lulistas disseram votar em Bolsonaro (PSL) e 3,7% em Alckmin (PSDB). No entanto, o maior índice é o de que não escolheriam nenhum candidato, um total de 47,9%, entre indecisos, eleitores que votariam em branco ou anulariam. Foram ouvidas 2.002 pessoas entre os dias 15 e 19 de agosto em 137 municípios de 25 unidades da federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.