Rui critica MP e diz que procuradores atuam como militantes ‘políticos-partidários’

17 de Ago // Foto: João Brandão / Bahia Notícias | Eleições 2018
O governador Rui Costa criticou nesta última quinta-feira (16) a atuação do Ministério Público em casos envolvendo políticos. Questionado sobre a ação da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que pediu a impugnação da candidatura do ex-presidente Lula, ele afirmou que algumas pessoas do MP estão atuando como militantes.

Na avaliação de Rui, o julgamento é diferente a depender do partido do político em questão. "O que vai ficando claro é que algumas pessoas do Ministério Público estão atuando como militantes políticos-partidários. Quando a acusação é contra o DEM, contra o PSDB, eles pedem arquivamento", reclamou o governador.

"Tem uma lei pro Lula, e uma lei pra quem é filiado pro PSDB e pro DEM", criticou. Rui sugeriu ainda que pode ter acontecido um julgamento tendencioso na ação que investigava o superfaturamento de obras realizadas pela prefeitura na orla da Barra, em Salvador. "O cara diz que superfaturou obra aqui na Bahia, na Barra, e o procurador do Ministério Público pediu arquivamento. ele pediu, não foi o juiz que deu", lembrou segundo o BN.