Black SAJ vai movimentar o comércio de Santo Antônio de Jesus; Saiba Mais!


A Black Friday vai movimentar o comércio mais barato da Bahia. As Entidades Empresarias realizam o Black SAJ – A Black Friday de Santo Antônio de Jesus que acontece nos próximos dias 23 e 24 de novembro. A primeira Black Friday do Brasil aconteceu no dia 28 de novembro de 2010 e foi totalmente online. A data reuniu mais de 50 lojas do varejo nacional. Hoje em dia a data já faz parte do calendário do comércio nacional e Santo Antônio de Jesus realizará a sua primeira edição oficial em 2018. O objetivo das Entidades Empresarias é incentivar o maior número de empresas possíveis a realizarem promoções, com descontos significativos, para os consumidores durante o período da campanha. As grandes e pequenas locas da cidade vão se dedicar para um dia de descontos dos mais variados produtos.
Muitas das lojas que estão no centro de Santo Antônio de Jesus vão fazer grandes promoções. No ano passado, algumas delas chegaram a dar descontou de até 80% conforme apurou a nossa reportagem. As lojas das grandes redes de eletroeletrônicos, por exemplo, devem despertar a atenção da maioria dos consumidores, que este ano demonstram estar mais cauteloso diante do momento econômico delicado. E mesmo mostrando cautela diante da crise, o movimento pode ser intenso. Já é possível observar pelas ruas do centro, que algumas lojas já chamam a atenção dos consumistas. A tão esperada liquidação de final de ano, a Black SAJ, será mais uma oportunidade para os consumidores da região e até mesmo de Salvador, encontrarem descontos em todos os tipos de produtos.
O fato é que o termo Black Friday se refere a uma sexta-feira negra, logo, ela deve acontecer nesse exato dia da semana. E se você parar pra observar é sempre a 4ª sexta do mês de novembro. Isso se dá porque, por se tratar de uma tradição originariamente americana, esse evento sucede o Dia de Ação de Graças (Thanksgiving Day), celebrado nos Estados Unidos na 4ª quinta-feira de novembro. Como a primeira sexta-feira depois do tradicional feriado norte-americano já era o dia oficial da abertura das vendas para o Natal, os comerciantes de lá resolveram usar isso a seu favor, reduzindo drasticamente os preços e fomentando essa tradição. E como os Estados Unidos sempre estiveram no foco do mundo, não custou nada para que esse costume passasse a ser adotado em outros países.materia do infosaj