Blocos afro deixaram de ser 'fonte cultural da nossa terra', diz Tatau


Cantor lamentou a perda de parte da identidade do Carnaval de Salvador

[Blocos afro deixaram de ser 'fonte cultural da nossa terra', diz Tatau]
Foto : Matheus Simoni/Metropress
Por Matheus Simoni e Kamille Martinho no dia 3 de Fevereiro de 2019 ⋅ 
O cantor Tatau lamentou a perda de parte da identidade do Carnaval de Salvador em entrevista durante o Jornal da Cidade 2ª Edição da Rádio Metrópole de hoje (26). Segundo o músico, parte desse problema tem relação com os blocos afro. Para Tatau, eles deixaram de ser "fonte cultural" da folia baiana.
"Eu acho que acabou muito do romantismo. Você olha pro carnaval e você vê muito comércio, muito mercado, muitos interesses. Isso tudo já fazia parte do Carnaval naquela época, mas eu acho que ficou envelopado. Eu acho que essa revolução teria que chegar em algum momento. E sabe mais do que eu sinto falta? Os blocos afro tinham uma participação muito importante nesse carnaval. Eles eram a fonte", declarou o cantor.
"Hoje como não tem essa grande visibilidade eles deixaram de ser essa fonte cultural da nossa terra", acrescentou.

Nenhum comentário