Bolsonaro admite que exagerou ao chamar alunos de 'idiotas úteis' e cobra Centrão


Bloco de partidos acabou sendo um dos principais alvos dos atos pró-governo

[Bolsonaro admite que exagerou ao chamar alunos de 'idiotas úteis' e cobra Centrão]
Foto : Fernando Frazão/ Agência Brasil
Por Juliana Almirante no dia 27 de Maio de 2019 ⋅ 
Depois de exaltar os manifestantes que foram às ruas a favor do governo dele neste domingo (26), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) admitiu que exagerou ao usar a expressão "idiotas úteis" para qualificar os participantes dos protestos contrários ao bloqueio de recursos da educação no último dia 15.
Em entrevista à TV Record, o presidente ainda sugeriu que parlamentares se desvinculem do bloco de partidos chamado "Centrão", que acabou sendo um dos principais alvos dos atos pró-governo.
Apesar de dizer não querer brigar com o Parlamento, Bolsonaro afirmou que a palavra "Centrão" virou um "palavrão" e que parte considerável dos parlamentares não deseja ser rotulada ao "grupo clientelista".

Nenhum comentário