Entrada de venezuelanos na fronteira com o Brasil triplicou na última terça


O número de venezuelanos que ingressaram no Brasil na terça-feira (30) pela fronteira com Roraima foi três vezes maior que o normal. De acordo com dados da Casa Civil, ontem, 855 pessoas — 848 delas, venezuelanas — entraram no país pelo trecho. O número é praticamente o triplo da média diária de entrada, que tem sido de 250 a 300 pessoas.
A fronteira entre os dois países está fechada por determinação de Nicolás Maduro desde 21 de fevereiro, mas venezuelanos que fogem da crise continuam ingressando no Brasil, sobretudo por rotas clandestinas.
A terça foi um dia de tensão no país vizinho. Em uma tentativa de derrubar Nicolás Maduro do poder, Juan Guaidó e Leopoldo López, lideranças opositoras, iniciaram um movimento com militares desertores. Houve reação das forças policiais, o que gerou confrontos na capital venezuelana, Caracas.

Nenhum comentário