Em marcha dos prefeitos, presidente da UPB afirma que unificar eleição é ‘salutar para democracia’ do país

Em marcha dos prefeitos, Eures afirma que unificar eleição é 'salutar para democracia'Na marcha dos prefeitos que acontece na manhã desta segunda-feira (3), em Salvador, o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), voltou a defender a unificação das eleições. Para ele, a medida é “salutar para a democracia”.
Pela proposta dos parlamentares, os atuais prefeitos e vereadores, que terminariam os mandatos no próximo ano, encerrariam o governo apenas em 2022, quando teria uma eleição geral para todos os cargos segundo informações do Bahia Notícias.
“Ter em dois em dois anos eleição, com custo altíssimo para os cofres públicos, não é bom para a democracia. Entendo que a unificação, além da economia para o processo eleitoral, vai dar uma dinâmica. Entendo que a unificação é muito salutar para a democracia e até para economicidade dos cofres públicos”, argumentou Eures, que é prefeito de Bom Jesus da Lapa e encerra o segundo mandato em 2020.or Francis Juliano / Rodrigo Daniel SilvaFoto: Francis Juliano / Bahia Notícias

Nenhum comentário