SECOM-BA estadual estreita relação com órgãos de imprensa do interior


Por ANTONIO MASCARENHAS 
Realizado, na tarde da última quarta-feira, 12, na Biblioteca Municipal de Santo Antonio de Jesus, encontro promovido pela Secretaria de Comunicações do Governo Estadual, pasta sob a égide de André Curvello que, no seio da gestão Rui Costa/João Leão, vem desenvolvendo um meritório trabalho no que tange à divulgação das ações governamentais, necessário para que atenda um dos pre-requisitos constitucionais: a transparência administrativa.
Acontece que, além da utilização de instrumentos próprios de divulgação, a Secretaria também se utliza dos diversos veiculos de comunicações para  o alcance de resultados mais amplos e satisfatórios, através de emissoras de rádio, tv, sites e blogs, jornais, etc. Sensível à necessidade de efetivação de alguns ajustes na relação da Secretaria em epígrafe com esses órgãos de comunicações, o Secretário delegou à jornalista e assessora de comunicação da SECOM, Regina Ferreira, a missão de percorrer os municípios para que, " in loco", possa ouvir pleitos que atendam às demandas reinantes no seio da categoria. Aproveitando o ensejo, Regina promoveu um bate-papo ao vivo entre dos presentes com o Secretário André Curbello e Edmundo Filho (coordenador de rádio, junto à SECOM), assim como colheu dados que possam contribuir para esse relacionamento e orientou a todos acerca do cadastramento dos respectivos veículos de comunicações junto ao SICAF. Secretaria que também tem em suas fileiras,
Dentre os presentes, representantes dos sites Tvsaj.com.br, Infosaj,Gazzeta do Recôncavo, Saj Notícias, Tv Noticias24 horas,  PIropo News, MG Noticias, Blog do Valente, Rádio Saj;Jornal de Noticias; dentre as emissoras de rádio, Andaiá FM, Recôncavo FM, Clube FM, Muniz FM. Iniciativas dessa magnitude mostram que a SECOM vê importância nesse relacionamento. Veja, em LEIA MAIS, os pressupostos que delineiam a atuação da SECOM Estadual:

A Secretaria de Comunicação Social - SECOM, criada pela Lei nº 12.212, de 04 de maio de 2011, tem por finalidade propor, coordenar e executar a Política de Comunicação Social do Governo.
Compete à Secretaria de Comunicação Social:
Estabelecer as diretrizes e orientações técnicas a serem observadas pelas unidades setoriais de comunicação dos órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual, na execução da política de comunicação;
Supervisionar e integrar as atividades de Comunicação Social da administração direta e indireta do Estado, visando ordenar e racionalizar os trabalhos executados; Divulgar os projetos e políticas de Governo propostos pelo Poder Executivo Estadual nas principais áreas de interesse da sociedade; Observar a transparência e a adequação das mensagens, visando assegurar o amplo conhecimento pela população das ações governamentais;
Monitorar e integrar as atividades do Governo nas áreas de rádio, televisão, jornalismo, propaganda, redação, fotografia, internet e relações sociais; Definir e padronizar a identidade visual dos sítios integrantes das unidades setoriais dos órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual, via internet; Acompanhar, selecionar e analisar matérias e notícias divulgadas na mídia, e de interesse da Administração Pública Estadual, objetivando auferir a sua ,repercussão junto à opinião pública;
Orientar, coordenar e executar as atividades referentes à elaboração dos produtos para televisão, rádio, portais/sites e impressos, em torno das ações governamentais, bem como supervisionar a distribuição desse material junto aos meios de comunicação; Viabilizar o levantamento de informações para execução dos trabalhos de cobertura jornalística e para criação das campanhas de interesse da Administração Pública Estadual;
Analisar, aprovar e controlar as atividades de pesquisa, planejamento e comercialização da mídia; Analisar, aprovar e controlar as campanhas publicitárias e sua veiculação, bem como acompanhar a execução dessas despesas; Definir, propor e coordenar as políticas públicas de comunicação social do Governo do Estado, com base nas proposições apresentadas nas Conferências Públicas de Comunicação Social;
Elaborar o Plano de Comunicação de Governo - PCG, que norteará as ações de comunicação de governo, coordenando revisões e ajustes eventualmente necessários nas ações, metas, prazos e recursos previstos nos Planos Anuais de Comunicação - PACOM;
Coordenar e supervisionar a execução dos seus eventos e de eventos institucionais demandados pelo Governador do Estado e Secretários; 

Nenhum comentário