Escola em Brejões produz máscaras de proteção para a população


Máscaras de proteção para distribuição gratuita à população estão sendo confeccionadas a partir de uma parceria entre professores e gestores do Colégio Estadual Edivaldo Boaventura, localizado no município de Brejões, e as freiras de Santa Catarina de Alexandria, da Paróquia de Santo Antônio de Pádua. A iniciativa tem como objetivo contribuir para o combate à pandemia do novo Coronavírus (COVID-19).
O diretor do colégio, Dirceu Assis Santos, disse que, até o momento, já foram feitas mais de três mil máscaras, que serão distribuídas para os estudantes do colégio, por horário e turma, evitando aglomerações, nesta sexta-feira (17), na própria escola, e para os feirantes na feira da cidade, no sábado (18). Moradores do povoado do Km-100 também receberão. Na produção das máscaras foram utilizados materiais como TNT, doados pela escola, e a costura está sendo realizada pelas freiras de Santa Catarina de Alexandria.
“Diante da situação que se instaurou na atualidade, com o advento do novo Coronavírus, tudo ainda é muito novo e incerto, mas entendemos que, neste momento, é necessário reunir esforços para pensar e exercer ações para contribuir com as pessoas, pois é preciso amar e ter solidariedade”, declarou o gestor escolar.
Para a professora Eliane Araújo Cunha, que ajudou na elaboração do modelo da máscara, juntamente com outros colegas, a iniciativa pode ajudar a salvar vidas. “Neste momento delicado que vivemos, nos distanciamos dos estudantes e da comunidade escolar, mas continuamos com o nosso compromisso social. É muito gratificante poder ajudar as pessoas que não podem comprar as máscaras, fornecendo uma opção de proteção contra o Coronavírus”.Foto e texto, A Tarde. 

Nenhum comentário