O ministro da Cidadania, João Roma, reuniu 22 prefeitos na inauguração do Centro de Esportes Unificados (CEU), neste sábado (10), em Serrinha.

 O ministro da Cidadania, João Roma, reuniu 22 prefeitos na inauguração do Centro de Esportes Unificados (CEU), neste sábado (10), em Serrinha. O encontro serviu para demonstrar a força política do novo ministro. Para Roma, demonstra também que os gestores municipais estão imbuídos para trabalhar em cooperação com o governo federal.




"Esse é o momento que os brasileiros precisam se unir para superar as dificuldades da pandemia. É muito importante não só chegar a simbologia política, como especialmente o interesse, a busca para trabalhar a parceria, em benefício da nossa população. É muito importante que o governo atue na ponta onde está a realidade, o dia a dia do nosso brasileiro mais sofrido. O Governo Federal que hoje conta com a presença de seis prefeitos do nordeste, simboliza também uma atenção especial para essa região", afirma.
De acordo ministro, é nos momentos de dificuldades que as lideranças políticas e gestores tem que se revelar. João Roma diz que não só as dificuldade podem ser vistas, como também soluções.
"O sofrimento dos brasileiros é grande. A pandemia atinge o mundo inteiro, mas nós sabemos que em meio a tudo isso, existem os brasileiros que sofrem ainda mais. Uma coisa é dizer fique em casa, quando a pessoa tem o conforto do lar e tem o salário no final do mês. Outra coisa é quando tem um pobre que fica impedido de buscar o sustento dos seus filhos", afirma.
De acordo com João Roma, o auxílio emergencial é um alento para essa população mas não resolve o sustento do dia a dia e que por isso, o Governo Federal está adotando outras iniciativas.
"Como é o caso do Brasil Fraterno, que busca cooperação não apenas do governo, mas de todas as entidades que estão se solidarizando com a realidade do povo brasileiro. Muitas pessoas estão passando fome nesse momento e é para essas pessoas que o poder público precisa cada vez mais se mobilizar e cooperar para superar essas necessidade".
Na ocasião, o ministro informou que o Ministério da Cidadania irá trabalhar para que os mais necessitados do país melhorem a qualidade de vida. Ele também elogiou a administração do prefeito da cidade, Adriano Lima (PP).
Além de Adriano Lima, de Serrinha, outros 21 prefeitos participaram do evento: Colbert Martins (Feira de Santana); Ednaldo Ribeiro (Cruz das Almas); Ilario Antonio (São Domingos); Luciano Pinheiro (Euclides da Cunha); Reginaldo Sampaio (Quixabeira); Gilmario Souza (Biritinga); Everton Cerqueira (Candeal); José Gonzaga (Ichu); Higo Moura (Teofilândia); Weligton Cavalcante (Quijingue); Edifrancio (Santa Bárbara); Vitor do Posto (Santanópolis); Renan (Água Fria); José Marques (Cipó); Alivanaldo Martins (Retirolândia); André Luiz Andrade (Queimadas); Ubaldino Amaral (Valente); Kley Lima (Coração de Maria); Carlinhos (Riachão do Jacuípe; e Bahia (Varzedo).