Reações adversas à cloroquina disparam 558% e Anvisa já registra nove mortes

 

Medicamento é recomendado pelo presidente Jair Bolsonaro

[Reações adversas à cloroquina disparam 558% e Anvisa já registra nove mortes ]
Foto : Jader Páes / Agência Pará

Por Luciana Freire no dia 07 de Abril de 2021 ⋅ metro1

As notificações por efeitos adversos decorrentes do uso de medicamentos do "kit Covid" como cloroquina e hidroxicloroquina em 2020 dispararam na comparação com o ano anterior.

Ao menos nove mortes foram notificadas, todas após março de 2020, depois do início da epidemia de Covid-19 no país.

O aumento nas notificações por efeitos adversos da cloroquina foi de 558%. O medicamento é recomendado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Os dados são do Painel de Notificações de Farmacovigilância mantido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e foram divulgados pelo jornal O Globo.