Durante conversa com governadores, Lula foi a favor de ação no STF contra convocações na CPI da Covid e Bolsonaro é criticado

 Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aprovou a iniciativa de 19 governadores de apresentarem uma ação conjunta no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspenderem suas convocações na CPI da Covid. Segundo a coluna de Bela Megale, do jornal O Globo, em reunião virtual com o governador do Piauí, Wellington Dias, Lula pontuou, no entanto, que foi importante os chefes de Estado mostrarem disposição em ir à comissão como convidados. O ex-presidente também se ofereceu para ajudar nos diálogos em busca de vacinas contra a Covid-19.

Foi o ex-presidente que abriu o canal de diálogo entre o Consórcio do Nordeste, que reúne nove Estados da região, presidido por Wellington Dias, e os representantes da vacina russa Sputnik V. A partir daí, o grupo acertou a aquisição de 39 milhões de doses do imunizante, que aguarda aprovação da Anvisa. Lula também tratou da programação de sua viagem pelo Nordeste prevista para julho.

Segundo Wellington Dias, parte dessa agenda seguirá o roteiro das Câmaras Temáticas do Consórcio do Nordeste. As Câmaras funcionam como uma espécie de “fábrica de projetos” voltados para áreas como agricultura familiar que buscam desenvolvimento da população da região. O presidente Jair Bolsonaro também foi tema da conversa. O ex-presidente externou críticas de maneira como Bolsonaro tem tratado os indígenas, a pauta ambiental e as Forças Armadas.