Lula inicia movimentada agenda política e teve encontro com governadores para fortalecer candidatura em 2022; confira

 

O ex-presidente Lula iniciou neste último domingo (3) uma agenda política, em Brasília, voltada para fortalecer o grupo de aliados à sua candidatura em 2022. O petista encontrou senadores, governadores e vice-governadores do PT, além Paulo Câmara, governador de Pernambuco pelo PSB. As articulações acontecem um dia após atos contra o governo Bolsonaro em todo o país, inclusive com registros em quatro cidades da Paraíba. Lula preferiu não participar das manifestações, o que fez surgir a tese de que ele seria contra o impeachment, por considerar a polarização mais vantajosa para a disputa eleitoral no próximo ano. Nesta primeira rodada, Lula esteve reunido com os governadores Camilo Santana (Ceará), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), Rui Costa (Bahia), Welligton Dias (Piauí) e a vice-governador de Sergipe, Eliane Aquino. Também estiveram no jantar os senadores Jacques Wagner (PT-BA) e Humberto Costa (PT-PE). Este último, levou Paulo Câmara ao encontro. Discutindo o presente e o futuro do nosso país. Time que luta todos os dias por um Brasil mais justo!, postou Lula no Twitter. Embora já tenha conseguido o aval do presidente nacional do Cidadania e por diversas vezes manifestado apoio a Lula, João Azevêdo não esteve presente ao evento dos governadores com o pré-candidato. A assessoria do governador não confirmou o motivo da ausência, também não falou se houve convite.