Presidente do Podemos repudia caso de agressão envolvendo o vereador Roberval de Jesus dos Santos contra sua ex-companheira em Laje

 


A presidente do Podemos, Ivonete Nascimento dos Santos, mais conhecida como Pró Ivonete,  uma das incentivadoras da equipe de futebol feminina Amigas do Cruzeiro foi entrevistada na Rádio Interativa FM, na cidade de Laje. 

“A necessidade mesmo, esporte é saúde, esporte é vida e a gente vem nessa luta constante de estar incentivando o esporte no nosso município. A gente verifica que esporte ele é muito focado no futebol masculino. Já ouve a tentativa de fundação de algumas associações no município de Laje. A FAC surgiu de um grupo de meninas que se reuniram lá no Cruzeiro, Adriele, Fernanda, uma turma e começou a expandir o convite e nós fundamos a FAC em 2001, onde iniciamos o trabalho e hoje se estende a várias comunidades, hoje nós somos 30 mulheres, a associação funciona no Cruzeiro de Lage, em uma propriedade particular. A gente não tem a quadra, a gente não tem um campo, mas nos reunimos todas as  quarta-feiras para bater o baba, para se  divertir, para  praticar atividade física”, contou. 

 A Associação Feminina de Futebol Amigos do Cruzeiro (FAC) é composta pelas comunidades do Coito, Caminho de Areias, Cruzeiro e Capão e realiza competições em Santo Antônio de Jesus, comunidade do Capão, entre outras atividades. 

 Questionada sobre onde a associação pretende chegar, Ivonete falou sobre o assunto. 

 “Primeiro esporte é entretenimento e a mulher já tem uma rotina repleta de atividades, nosso primeiro pensamento foi esse, de nos reunir, brincar e para distrair. Logo em seguida a gente descobriu que na associação surgiu novos talentos. De repente a gente descobre que há meninas no plantel que tem um destaque com um potencial muito grande e podem  ir, além disso. Alguns talentos que estavam escondidos que foram aparecendo  com o trabalho que vem sendo desenvolvido”, afirmou. 

 E um assunto que não poderia deixar de ser mencionado é o escândalo envolvendo o vereador Roberval de Jesus dos Santos (Podemos/BA), do município de Laje, contra sua ex-companheira.    

  “Infelizmente a gente sabe a realidade que a mulher tem vivido, a gente sabe que não é o primeiro caso, não vai ser o último, são tantas as mulheres que vivem esse dilema hoje ainda, nos dias atuais, do desrespeito, da agressão, dessa cena triste que vocês estão vendo aí no vídeo. Primeiro passo é a gente dizer mesmo, repudiar toda ação de violência contra qualquer pessoa, contra jovem, contra criança, contra adolescente, violência por si só. A gente enquanto pessoas, enquanto ser humano, a gente repudia”, desabafou. 

 E no domingo a gente viveu essa triste realidade de vivenciar esse momento terrível. A gente lamenta esse áudio de Marina. Nós já sabíamos que logo após que aconteceu o incidente, ela já dizia que ela não ia dar queixa, que era o pai do filho, a gente já percebia que ela não iria adiante com o caso Mesmo assim eu Ivonete, enquanto presidente da associação, enquanto mulher, enquanto ser humano, enquanto cristã que sou eu não ia admitir de jeito nenhum, a gente vivenciar um fato daquele e omitir, ocultar ou fingir que não viu as agressões”, completou. entrevista radio interaativa programa caracara com povo