Petistas pedem reforço à segurança de prédios na marcha para registrar candidatura de Lula

13 de Ago // Foto: Ricardo Stuckert | Eleições 2018
Dirigentes do PT que estão à frente da marcha para o registro da candidatura do ex-presidente Lula pediram reforço na proteção de prédios dos ministérios. Segundo a Folha, os petistas levaram o pleito à Secretaria de Segurança do Distrito Federal por receio de que pessoas infiltradas danifiquem edifícios e eles tenham que arcar com a responsabilidade.

O PT precisa registrar o nome de Lula na disputa até a próxima quarta-feira (15), mas não há garantias de que o ex-presidente seja autorizado a concorrer à Presidência da República. Preso há mais de quatro meses, ele foi condenado em segunda instância por corrupção e lavagem de dinheiro no processo do triplex do Guarujá.

Então, se o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impugnar o pedido, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), vai assumir a cabeça da chapa com a deputada estadual Manuela d'Ávila (PCdoB) como vice. Membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra vão acompanhar o ato de entrega do registro da candidatura de Lula pelo Partido dos Trabalhadores. Pelos cálculos do MST, 5 mil iniciaram a caminhada no último sábado (11).