Mais de 25 mil policiais vão atuar na Operação Eleições 2018 na Bahia


No próximo domingo (7), mais de 25 mil policiais militares e civis vão atuar em todo a Bahia. O policiamento será montado a uma distância de 100 metros dos 9.576 locais de votação e haverá patrulhamento no entorno das seções eleitorais. Em casos de flagrante, os autores serão encaminhados para a Polícia Federal ou Delegacias Territoriais.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), a escolta das urnas até os locais de votação e a guarda das seções eleitorais para impedir a violação dos equipamentos ficarão a cargo da Polícia Militar, que também vão prevenir crimes eleitorais, como transporte clandestino de eleitores, compra de votos e desordens nas seções.

Os policiais dos departamentos de Polícia Metropolitana (Depom) e de Polícia do Interior (Depin) vão trabalhar em regime especial, com efetivo reforçado, além do efetivo da Coordenação de Operações Especiais (COE), que ficará de prontidão. Equipes formadas por delegados titulares, coordenadores regionais, escrivães e investigadores reforçarão todas as unidades do estado durante o processo eleitoral segundo informações do Bocão News.

Os policiais também vão escoltar do material utilizado no pleito, após o encerramento da votação, para os polos de informática ou cartórios eleitorais. A mídia de votação também será conduzida para os locais de apuração e transmissão de voto, onde o policiamento permanecerá até o encerramento de todas as atividades, previsto para as 22h Por: Divulgação/SSP-BA Por: Redação BNew