Conselho de Ética abre processo contra Eduardo Bolsonaro por fala sobre AI-5


Deputado afirmou em outubro que, se esquerda 'radicalizasse', resposta poderia ser novo ato como o de 1968

[Conselho de Ética abre processo contra Eduardo Bolsonaro por fala sobre AI-5]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil
Por Metro1 no dia 26 de Novembro de 2019 ⋅
O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados abriu processos contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), nesta terça-feira (26). O pedido de cassação do deputado feito pelo PSOL, PT e PC do B se somará a outro da Rede e tramitará em conjunto. Para a oposição, a declaração em que o filho do presidente Jair Bolsonaro defende um novo AI-5 configuraria abuso de prerrogativas concedidas a parlamentares. 
Também foi instaurada uma representação contra Eduardo a pedido da correligionária Joice Hasselmann (PSL-SP). O PSL acusa o filho do presidente de quebra de decoro por realizar um "linchamento virtual" contra a deputada durante uma briga. Joice e Eduardo ficaram em grupos opostos em uma discussão entre aliados do presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), e de Jair Bolsonaro dentro do partido.
A definição dos relatores ainda não foi feita.

Nenhum comentário