Defesa de Sérgio Moro diz que vídeo confirma declarações do ex-ministro da Justiça; confira

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Após acompanhar a exibição do vídeo da reunião ministerial realizada no dia 22 de abril, apontada por Moro prova das tentativas de interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal, a defesa do ex-ministro afirmou que “o material confirma integralmente as declarações do ex-ministro Sérgio Moro na entrevista coletiva de 24 de abril e no depoimento prestado à PF em 2 de maio”. O advogado de Moro, Rodrigo Sánchez Rios, alegou ainda que “é de extrema relevância e interesse público que a íntegra desse vídeo venha à tona. Ela não possui menção a nenhum tema sensível à segurança nacional”. O vídeo da reunião foi exibido ontem (12), para investigadores da Procuradoria-Geral da República e da Polícia Federal, além da defesa de Moro, do próprio ex-ministro e de representantes da Advocacia-Geral da União. O acesso foi autorizado pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, no último sábado. O ministro justificou a decisão com a intenção de que as partes possam, tendo conhecimento do que se passou na reunião ministerial, orientar a formulação de perguntas às testemunhas durante os depoimentos. A reunião foi gravada em vídeo pela própria Presidência da República.

Nenhum comentário