Casa Branca projeta 5.000 mortes diárias por Covid-19 no Brasil em agosto


O IHME, instituto de métrica da Universidade de Washington, projeta mais de 165 mil mortes no país até agosto

[Casa Branca projeta 5.000 mortes diárias por Covid-19 no Brasil em agosto]
Foto : Leonardo Souza /PMF
Por Luciana Freire no dia 07 de Junho de 2020 ⋅ materia metro1

O IHME, instituto de métrica da Universidade de Washington, com um dos principais modelos utilizados pela Casa Branca para monitorar os números sobre o coronavírus atualizou com piora o cenário no Brasil e agora projeta mais de 165 mil mortes no país até agosto, com 5 mil mortes em um único dia no início daquele mês. A informação foi divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo.
Em maio, quando o IHME divulgou pela primeira vez dados sobre o Brasil, a previsão era de que 88 mil pessoas morressem por Covid-19 até 4 de agosto no país.
No fim do mês, esse número foi atualizado para cerca de 125 mil óbitos até agosto e, agora, no início de junho, a segunda atualização elevou a previsão para 165.960 mortes até lá.
Com mais de 647 mil casos confirmados, o Brasil escalou para o segundo lugar em diagnósticos no mundo, atrás somente dos EUA, que tem mais de 1,9 milhão.

Nenhum comentário