Anvisa avalia o uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19 neste domingo

 


Diretoria colegiada vai analisar os pedidos de aplicação da CoronaVac e da vacina de Oxford

[Anvisa avalia o uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19 neste domingo]
Foto : Governo de SP

Por Metro1 no dia 17 de Janeiro de 2021 ⋅ 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) analisa hoje (17) os pedidos de uso emergencial de duas vacinas contra a Covid-19 no Brasil: a vacina de Oxford/AstraZeneca, desenvolvida em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e a CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

Cinco integrantes da diretoria colegiada do órgão serão os responsáveis por tomar a decisão. Todos foram nomeados pelo presidente Jair Bolsonaro. O encontro começa às 10h, deve durar cinco horas e terá transmissão ao vivo pelos canais digitais da Anvisa.

A decisão sobre o uso emergencial cabe à diretoria colegiada por ocorrer fora do rito convencional de registro de vacinas no país. Segundo a Anvisa, os diretores vão analisar os pareceres elaborados por três áreas técnicas que somam, ao todo, 50 pessoas.

Caso seja aprovado, o imunizante com uso emergencial liberado não pode ser vendido, apenas distribuído no sistema público de saúde. A liberação pode ser revogada pela Anvisa a qualquer momento.