Decreto que proíbe aulas presenciais na Bahia é prorrogado até 14 de março

 

Decisão também suspende recadastramento de servidores inativos e pensionistas que fazem aniversário em janeiro, fevereiro e março

[Decreto que proíbe aulas presenciais na Bahia é prorrogado até 14 de março]
Foto : Paula Fróes/GOVBA

Por Danielle Campos no dia 27 de Fevereiro de 2021 ⋅ 


O Governo do Estado decidiu prorrogar o decreto que suspende as aulas presenciais nas unidades de ensino das redes pública e privada em toda a Bahia, conforme publicação no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (27). O decreto, que venceria no próximo domingo (28), passa a valer até 14 de março de 2021.

Na decisão, também consta a suspensão do recadastramento de servidores inativos e pensionistas que fazem aniversário nos meses de janeiro, fevereiro e março. De acordo com o governo, a medida tem como objetivo preservar idosos e pessoas em grupos de risco, mais vulneráveis ao novo coronavírus, evitando o deslocamento a uma unidade da Rede SAC para validar seus dados cadastrais junto à Previdência Estadual.