SAJ: “O prefeito está tendo uma coragem muito grande”, diz Chico de Dega sobre a postura do prefeito com os ambulantes




O vereador Chico de Dega concedeu uma entrevista ao repórter Itajaí para falar sobre sessão ordinária que tratou de diversos projetos como de medalha e o pedido de vista do vereador Luciano Cuiuba, em seguida foi dado espaço para que também fosse discutido sobre o novembro azul.

Segundo o vereador, depois de debaterem nos meses passados, sobre diabetes e câncer de mama, foi dado o espaço na Câmara Municipal, durante a sessão ordinária para que o Dr. Gil e Dr. Jacques abordassem sobre a importância de realizar o exame de próstata, que pode ser feito a qualquer dia ou mês do ano.Ao ser questionado sobre a mudança de local de trabalho dos ambulantes , da Rua dos Correios para Feira Livre , o vereador declarou que ele é um homem que luta e briga por emprego, defendendo a ideia de que “o cidadão tem que ter e levar o pão para mesa, cada cidadão merece o trabalho e a luta”, porém “o prefeito municipal, quem quer que seja o prefeito, ele também tem que ordenar a cidade, e o prefeito tem uma ação ajuizada do Ministério Público que determina o prefeito cumprir as determinações ou ele vai sofrer sanções administrativas.


O vereador admirou a maneira como o prefeito de Santo Antônio de Jesus está encarando essa situação, “o prefeito está tendo uma coragem muito grande, um preparo muito grande, discutindo com os ambulantes, trazendo projeto para câmara, para que possamos dar um auxílio emergencial para aqueles que possam dali pra frente se engajar na sua vida de ambulante e buscando espaço na feira livre para arrumação, eu acho que isso é viável”. Ele ainda acrescenta que acredita no bom senso tanto do prefeito como dos ambulantes, para que possam buscar a melhor solução tanto para cidade e quanto para o povo.No que diz respeito ao pedido de exoneração do ministro João Roma para cuidar de emendas parlamentares, o vereador informou que esteve com o ministro e o mesmo está cumprindo “uma determinação que é de ser deputado porque ele precisa direcionar as emendas dele para o município da Bahia, mas que logo logo João retornará ao seu cargo de ministro”, já que não se tratou de uma renúncia.

Com relação as obras que estão acontecendo pelas ruas de Santo Antônio de Jesus, o vereador comentou que é necessário arrumar a casa e que essa é somente a primeira etapa de muitas outras que estão para acontecer.







Receba as últimas notícias